NOTÍCIAS

Dom Pedrito – Pracinha da Promorar está abandonada e o prédio depredado

A Pracinha da Promorar abandonada pelo poder público, está em estado lastimável. Para mostrar a atual realidade do local, publicamos algumas fotos daquilo que um dia foi o prédio utilizado como vestiário na pracinha no Bairro José Tude de Godoy.

 

O prédio fica localizado ao lado do campo de futebol e de um playground, que diga se de passagem, ambos praticamente sem utilidade nos dias atuais. A estrutura está totalmente depredada, e hoje em dia só serve para acumulo de lixo, além de abrigar criminosos, tráfico de entorpecentes e usuários de drogas.

 

A população que mora próximo ao local, comenta sobre o desejo de ver o "esconderijo" ir a baixo, na esperança de viver com um pouco mais de paz e tranqüilidade. As pichações deixam claro o tipo de gente que freqüenta o local.

 

 

Os numerais 157 e 155, escritos na parede, significam ROUBO e FURTO, artigos correspondentes aos respectivos crimes previstos no Código Penal. Já o 35, de acordo com a lei 11.343/2006 quer dizer ASSOCIAÇÃO PARA O TRÁFICO DE DROGAS, prática bastante comum por aqui.
As pessoas que fazem uso daquele espaço, e que promovem uma explícita apologia ao cometimento de crimes, são os mesmos que, quando plotados pelas autoridades, juram inocência. O pior é que há quem acredite nisso.

 

Enfim, este é um dos locais da cidade por onde as patrulhas policiais circulam bastante, mas é também um lugar onde o estado fracassou no desempenho de vários de seus papéis perante a sociedade.

 

Contudo, sejamos coerentes, o problema é antigo, não vem de agora, por isso, sugiro ao poder público municipal a demolição imediata desse verdadeiro "QG da vagabundagem", que não traz qualquer benefício à população, muito pelo contrário, só traz medo, coação, constrangimento e revolta. 

 

    Setor de Jornalismo: portal@qwerty.com.br

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
×

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios