NOTÍCIAS

Dom Pedrito – Menores de idade são acusados de matar Juliano Mendes

A Polícia Civil concluiu na semana passada a investigação que apurou o homicídio do jovem Juliano Mendes, 25 anos. O crime ocorreu em 24 de dezembro de 2013, na Vila Marmelada, Bairro Promorar. O procedimento de adolescente infrator foi entregue ao fórum, quando dois jovens de 16 anos foram os acusados de cometer o assassinato da vítima. A autoridade policial representou pela internação dos mesmos, o Ministério Público se manifestou favorável e o Juiz decretou a prisão de um dos adolescentes, pois o outro já estava recolhido na Fundação de Atendimento Socioeducativo (Fase).

 

Conforme apurou a equipe de investigações da Delegacia de Polícia de Dom Pedrito, Juliano foi executado por dois adolescentes que integravam a quadrilha desarticulada na Operação Ligações Perigosas, deflagrada no mês de outubro de 2013 (operação que resultou no indiciamento de 16 traficantes e quatro adolescentes infratores). Os menores são investigados por vários crimes, como: furtos, roubos, tráfico de entorpecentes, entre outros. 

 

 

Segundo o policial Patrício Antunes, “foram feitas várias diligências, muitas pessoas foram ouvidas e um grande grupo criminoso foi investigado”. Juliano possuía dívidas para traficantes e foi atraído para uma emboscada na Vila Marmelada, quando os dois jovens, dispararam cinco tiros contra ele, sendo que quatro disparos atingiram o mesmo. Um dos disparos transfixou, o outro ficou alojado no corpo de Mendes e mais dois disparos acertaram de raspão no jovem. 

 

Reportagem: Elliézer Garcez
Por: Marcelo Brum – FENAJ 6634
Setor de jornalismo: portal@qwerty.com.br

 

 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
×

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios