NOTÍCIAS

Dom Pedrito – Polícia Civil conclui inquérito que apurou sessão de tortura no presídio

Foi encaminhado na tarde de ontem (24), para o Poder Judiciário o inquérito policial que apurou o crime de tortura ocorrido dentro do Presídio Estadual de Dom Pedrito.

 

Três indivíduos já identificados foram indiciados, por torturar um quarto detento dentro da cela em que dividiam por aproximadamente 12 horas. Os detentos Douglas Domingues Silveira “Ratão”, André Madruga Vaz e Maurício Madeira Gomes, todos com vasta ficha criminal, estavam tentando induzir a vítima ao tráfico de drogas, mas o mesmo se negava a participar.

 

Diante desta resistência em aceitar a ordem dos companheiros de cela, a vítima acabou sendo amarrada, amordaçada e torturada com intensa sessão de violência das 18hs da tarde às 07hs45min do dia seguinte, quando foi finalmente solta, antes da vistoria que acontece todos os dias. Para tentar evitar que o detento falasse, os companheiros o juraram de morte caso revelasse o que havia acontecido.

 

O crime só foi descoberto porque o mesmo solicitou transferência para o seguro, que é uma cela especial do presídio. Num primeiro momento, ele evitou comentar o motivo da solicitação, mas acabou revelando o episódio devido à intensa dor que estava sofrendo em decorrência da tortura sofrida. Após o relato, o mesmo foi encaminhado para perícia e recebeu atendimento. Já os três detentos agressores, foram transferidos para o presídio de Bagé, por questões de segurança.

Fonte: Polícia Civil de Dom Pedrito
Por: Marcelo Brum – FENAJ 6634
Setor de jornalismo: portal@qwerty.com.br

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
×

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios