ESPORTES

Dom Pedrito – Projeto social atende 120 crianças no bairro São Gregório

A Associação Desportiva São Gregório, conhecida como Escolinha de Futsal São Gregório, desenvolve desde março de 2010, o projeto “Incluindo e formando cidadãos através do esporte”. O objetivo do mesmo é incentivar a frequência na escola, elevar a média escolar e melhorar a qualidade de vida destas crianças, para que assim estejam protegidas da situação de risco social.

 

O foco deste projeto são crianças e adolescentes de 6 a 15 anos. Normalmente são abertas 90 vagas, mas desta vez o projeto recebeu em torno de 120 interessados em frequentar a escolinha.

 

“Hoje a Associação conta com voluntários, mas na maioria das vezes quem atua junto a estas crianças sou eu, monitorando as aulas dos finais de semana”, disse Luiz Fernando, complementando que as mesmas ocorrem aos sábados e domingos, a partir das 14hs no ginásio do CIEP. O monitor fala ainda do apoio recebido pela direção da escola, que atua com ele desde o início do projeto, “sem o salão da escola, seria muito difícil tocar este trabalho”, afirma Luiz.

 

Também temos inúmeras dificuldades para continuar o mesmo e mantê-lo funcionando como deveria. Uma delas está relacionada ao lanche que é oferecido gratuitamente no intervalo, pois hoje o custo desta alimentação é bancado pela escolinha.

 

Mas Luiz diz ainda, que “falta apoio para manter este projeto que é muito importante para o futuro destas crianças”, alertando para o risco de ver todo o esforço colocado nestes últimos quatro anos, terminar por falta de uma verba que sustente estas despesas. “Desde 2011 estamos solicitando auxílio, mas não tivemos sucesso e alegação da maioria é de que não há dinheiro. Imagine, se eles não têm o que sobra para mim que tenho muito menos”, completa Luiz Fernando.

 

As principais carências segundo o monitor hoje são, custos com alimentação, cuidados médicos para saber se estas crianças podem mesmo realizar atividades físicas, um professor de educação física que possa auxiliar no preparo dos meninos e meninas que frequentam a escolinha e transporte para que elas possam participar de eventos fora do município, lembrando que a escolinha em outras oportunidades já visitou cidades da região como Candiota para disputar campeonatos nestas cidades e que na oportunidade só foi possível porque arrecadaram dinheiro para viagem através de uma rifa.

 

O CONDICA (Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente) é hoje o único órgão que auxilia anualmente o projeto da Associação, com um valor de R$ 7.000,00 (Sete mil reais) em materiais esportivos.

 

Quem quiser ajudar a escolinha deve ligar para número 9963 – 9747.

 

Por: Marcelo Brum
Setor de Jornalismo: portal@qwerty.com.br

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
×

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios