NOTÍCIAS

Dom Pedrito – Polícia Civil investiga morte de bebê possivelmente por negligência e maus-tratos

Após o comunicado da morte do menino Welyton Gomes Alves de dois anos, na quarta-feira (05), levantou-se a suspeita de que a criança poderia ter morrido em decorrência de maus-tratos. Foram registrados diversos boletins de ocorrência que relatam a violência com que os pais do menino se tratavam.

 

 

            Em um destes registros existe um fato revelador: declara que o pai jogou o menino contra a parede quando o mesmo tinha apenas um mês de idade. Outros boletins de ocorrência relatamoutras denúncias de que o casal maltratava a criança.

 

 

            A Polícia Civil desconfiou da morte do menino, porque o bebê foi levado ao Pronto-Socorro de Dom Pedrito em estado grave, com sinais de asma. A criança estava muito suja, fraca e apresentava sinais de desnutrição. Devido à gravidade do caso, ele foi levado pela SAMU para a UTI de Bagé, onde faleceu na última quarta-feira, às 6h, sendo enterrado no mesmo dia, na sua cidade de origem.

 

 

            Informado sobre o caso, o Conselho Tutelar dirigiu-se a delegacia de polícia, para revelar os fatos, que acabaram sendo confirmados através dos diversos boletins registrados. Com base nisso, a delegada Marina Machado Dillenburg decidiu solicitar a exumação do corpo para fazer a necropsia e identificar a real causa da morte.

 

 

            Várias testemunhas, além dos pais do menino estão sendo ouvidas, mas já está comprovada a questão de maus-tratos e de negligência quanto a saúde dele. Algumas relataram inclusive que a criança tinha sérios problemas a meses e que os pais foram não procuraram ajuda médica quando alertados.

 

 

            Algumas testemunhas disseram ainda, que a criança vivia suja, maltrapilha e jogada pelos cantos da casa, sem comer direito, magra e desnutrida. Também existe o relato de uma testemunha que afirma ter visto o menino cheio de moscas quando foi a casa dele.

            Para a polícia o casal negou qualquer agressão, negando também os fatos que já haviam sido registrados por eles mesmos.

 

 

            Neste momento, a polícia está trabalhando com três linhas de investigação: maus-tratos, tortura e castigo. Também serão investigados por homicídio, já que os responsáveis teriam omitido socorro ao bebê, pois o mesmo foi levado ao hospital quando já estava com o quadro muito agravado. O resultado da necropsia sai na segunda-feira (10).

 

 

 

            Fonte: Delegacia de Polícia Civil de Dom Pedrito

            Por: Marcelo Brum

            Setor de Jornalismo: portal@qwerty.com.br

 

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
×

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios