NOTÍCIAS

Dom Pedrito – Inquérito da Operação Grande Família continua em fase de avaliação no MP

O volumoso inquérito policial gerado pela Polícia Civil, relativa à denominada Operação Grande Família, que apura irregularidades no Programa Primeira Infância Melhor (PIM) em nível de administração municipal de Dom Pedrito, continua em fase de avaliação pelo Ministério Público (MP), sob a responsabilidade do promotor Luciano Alessandro Winck Gallicchio.

 

Ele revelou ao Portal Qwerty, durante entrevista exclusiva que nos concedeu, ontem (08), que ainda falta muito material a serem analisados, inclusive gravações que precisará ouvir e que não foram desgravadas. Afirmou, também, que nos próximos dias, depois de chegar a uma conclusão sobre os elementos do inquérito, reunir-se-á com a Procuradoria de Prefeitos do MP, para avaliarem se existem indícios de participação de quem possua foro privilegiado, no caso o prefeito, hipótese em que o caso passaria a tramitar naquela Procuradoria. 

 

Mas, o promotor Luciano reafirma que os dados que possui pelo que já analisou de material, ainda são muito “genéricos”, segundo qualificou, e que tudo o que se afirma, pelo menos por enquanto, é “em tese”. Ainda sob esse ângulo, uma vez que fossem encontrados indícios de envolvimento de quem possua foro privilegiado, a matéria seria encaminhada pela Procuradoria de Prefeitos do MP à 4ª Câmara do Tribunal de Justiça do RS, a quem cabe o julgamento de prefeitos.

 

O promotor Luciano possui vasta experiência de atuação na área de crimes eleitorais e contra o patrimônio público, junto à Procuradoria da Probidade Administrativa do MP, na Procuradoria de Prefeitos do MP e, já como promotor, na Comarca de Triunfo, desempenhando importante trabalho que culminou com a cassação de prefeito e vice daquele município, mais 10 vereadores e na cassação de direitos políticos de um ex-prefeito.

 

Por: Silvio Bermann
Setor de Jornalismo: Portal@qwerty.com.br

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
×

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios